"CHEGASTE"

Oi belas... tudo bom?
Hoje quero conversar com vocês sobre minha vida, ao som de "Chegaste" Roberto Carlos ft. Jennifer Lopez.


Quando cheguei ao Espirito Santo-ES, eu tive uma desilusão profunda no Rio de Janeiro, fui tão mal amada, o "cara" tratou o meu amor com tanto desleixo, que hoje fico pensando como fui capaz de suportar tanta humilhação. Nenhuma mulher deveria ser tratada como lixo, pois foi como ele tratou meu sentimento, tão jovem, tão imaturo, tão sincero. 

Enfim... ainda bem que me libertei. Bem meninas dessa desilusão nasceu uma menina linda chamada Karine, e que era tão pequena e indefesa, tão frágil, tão branquinha. Karine nasceu no Rj em Botafogo, em 12 de abril de 2000, ela não gostava de comer , mais depois que cresceu gente como come! Menina inteligente, com personalidade forte, sem medos, corajosa, ainda procurando seu juízo, mas estou sempre aqui pra ajudar e proteger quando precisar.

 Eu e meu marido nos conhecemos em 14 de setembro de 2001, e estamos juntos  desde então, minha vida sempre foi muito sem emoção, antes de conhece-lo, eu era tão sem graça que me sentia chata, e ainda achava ele chato também, mas na época não entendi que ele estava chato, ele não era chato,não acreditava nos sentimentos dele - Coitado! Ele é mais velho 13 anos do que eu, então eu coloquei vários impedimentos para não namorar ele. Acreditem.
Um príncipe tão cheio de boas intenções, me amando incondicionalmente, eu nessa época havia perdido minha linda avó minha base de vida, estava estraçalhada. E então morava na casa de uma prima daqui do ES que muito boa, me chamou pra morar com ela e me ajudou muito. 

Nessa época ele estava se separando, então eu já entrei na relação achando que ele podia me largar como estava largando da outra, mas como tudo na vida é escrito por linhas certas, ele "chegou" quando eu queria realmente ouvir da boca de alguém o quanto me queria, o quanto ele estava sendo sincero em seus sentimentos. Flores, aneis de ouro, perfumes, passeios maravilhosos, tudo isso ele me proporcionava, e eu nem ai (rsss), depois que ele pediu pra eu ir morar com ele, que ele cuidaria de mim, enxerguei um homem de verdade diante de mim.

Sim meninas, ele foi verdadeiro desde o começo, foi herói, me protegendo, cuidando de mim, sempre que eu precisava me defendendo do mundo, eu até hoje não acredito o quanto esse homem me ama. 

Quer vê-lo com raiva? Apenas me magoe... Então tivemos nossa primeira filha em 06 de julho de 2005, tão desejada, tão parecida com ele no gênio, Nicolli Stephanie é geniosa, carinhosa, inteligente como ele, e muito sábia, incrível como os dois são idênticos, eles dois são unidos mesmo, eu nem consigo me aproximar...

Ele realmente move montanhas para ver um sorriso nos meus lábios, parece até história de livro, quando escrita dessa forma, mas como todos nós, na vida temos momentos baixos, e altos, ele esta sempre nos dois pra segurar nossa família. Eu admiro demais esse homem, meu príncipe "sapo" assim que falo pra ele, pois não olho pra ele pela fisionomia, olho sua beleza interior, sua inteligencia que pra mim, contou muito e conta até hoje, meu lindo.


E consigo me apaixonar por ele todos os dias que acordo ao seu lado, vê o quanto sou sortuda, por alguém sentir tanto amor por mim, agradeço a Deus por isso sempre que as coisas estão difíceis.


Então em abril de 2013 engravidei de Charlotte Stephanie, que nasceu em 11 de janeiro de 2014 linda, parecia uma japonesinha, ela teve algumas complicações no parto, pois demorou demais pra nascer.

Então ficou internada na utin do hospital. E lá naquele momento tão difícil pra mim como mãe, eu selei nossa parceria de mãe e filha, claro que com as outras meninas foi único, mas com a Charlotte estava mais madura como mulher, como mãe, então meu sentimento foi diferente, eu queria tanto ter um menino, e de repente Deus me deu ela, tão linda e frágil era pra ser ela


E Charlotte me retribui esse sentimento, ela se parece comigo (ainda bem!), e quer estar onde estou, sentindo meu cheiro. È tão gostoso sentir isso, a palavra Mãe é especial, elas conseguem me transmitir esse amor tão sincero, e que eu vivia procurando... esperando e quando eu menos espero minhas lindas filhas estão ali, junto com meu príncipe. Juntos para me ensinar que nunca é tarde para se apaixonar.

Eu e meu príncipe não tínhamos uma musica nossa, como assim? É serio não havíamos achado uma musica que falasse tanto, sobre nós, até "O Rei" gravar essa musica linda que no caso é o título do post. Essa musica fala muito de nós dois, da nossa trajetória sentimental até aqui, e claro eu quis vir compartilhar com minhas amigas, e registrar para minhas meninas, a forma que eu e o pai delas nos amamos.
Garanto vale cada minuto à espera por um amor sincero, cheio de lembranças que o tempo não apagará, pois está em nós e no que sentimos um pelo outro.

"Amor adoro quando você diz que vai cuidar de mim sempre, que eu sou sua, que ama tudo em mim, até quando sou uma idiota com você, eu posso dizer o quanto amo você, e que não é um papel que vai dizer pra sociedade o quanto somos um do outro". ("Chegaste" meu Rey).

Espere amiga esse amor que você busca vai chegar, quando você menos esperar ele vem e derruba as estruturas da sua vida, apenas espere calmamente, não force a chegada desse amor. Ele vem tão doce como a musica fala "doce como caramelo".


Gostaram da resenha, gostam desse tipo de conteúdo? Comente ai para conhecermos melhor nossos leitores, e melhorarmos ainda mais.
Beijo,

Priscila Lima.



Nenhum comentário :

Postar um comentário

Topo